planejamento-de-safra

Share

Planejamento de safra: saiba como fazer passo a passo

Quer saber mais sobre o MyFarm?

Entre em contato e agende uma demonstração com nossos consultores!

Solicitar Teste Grátis

O sucesso de uma produção depende de vários fatores e um deles é o planejamento da safra. Afinal, é por meio dele que o produtor consegue gerenciar a lavoura de forma mais segura e assertiva.

Na prática, determinar o sistema de cultivo, período do plantio e os custos envolvidos na safra são algumas das práticas envolvidas nesse planejamento.

Neste artigo vamos apresentar um passo a passo de como realizar um planejamento de safra no seu negócio rural.

Acompanhe a seguir!

O que é planejamento de safra?

O planejamento de safra consiste em um recurso utilizado para administrar a lavoura por meio da definição de metas e objetivos que visam aumentar a rentabilidade e sustentabilidade da propriedade rural.

Em outras palavras, ele é basicamente o roteiro que o produtor deve seguir para conseguir cumprir os seus objetivos em cada etapa do processo. Nele constam informações que englobam desde a preparação do solo até a colheita e armazenamento da produção.

ads

Contudo, podemos afirmar que o planejamento da safra é um dos pilares do plano agrícola, no qual o produtor se norteia em relação ao ponto de partida e o percurso que deve seguir para atingir suas metas.

O que você deve considerar para fazer o planejamento de safra? Por onde começar?

Antes de tudo, é importante ter, bem claro, em mente qual cultura será produzida, a forma de cultivo, o orçamento disponível, dentre outras informações fundamentais para realizar o planejamento de safra.

Por isso, comece respondendo as seguintes perguntas:

O que?

A primeira pergunta a ser respondida é “o que será produzido no ano safra?”. Após decidir qual cultura será produzida, defina a área que será destinada ao plantio.

Nesse primeiro momento, considere o cenário nacional e internacional de commodities agrícolas. Assim ficará mais fácil escolher uma cultura rentável.

Como?

Tão importante como saber o que será produzido é como será feito o cultivo. Por isso, pense se o método de plantio será direto ou não, se haverá necessidade de irrigação e como será feita a correção da área para adubação.

Quanto?

Também é fundamental calcular os custos envolvidos na produção. Portanto, defina com antecedência o orçamento que ficará disponível para cada etapa do sistema de produção.

Contudo, considere as atividades de fertilidade do solo, uso de defensivos, mão de obra, aquisição de sementes, manutenção de maquinário, entre outros.

Quando?

Por fim, determine o período de plantação da cultura. Para isso, confira a legislação de vazio sanitário e o Zoneamento Agrícola de Risco Climático.

Nesta etapa, vale considerar a expectativa de preços de compra de insumos e de venda do produto final. Por isso, não deixe de se informar sobre o cenário de mercado e ficar atento em relação às suas variações.

>>> MATERIAL GRATUITO: E-BOOK GUIA COMPLETO PARA GESTÃO AGRÍCOLA <<<

Passo a passo de como fazer o planejamento de safra

Após reunir as principais informações, é a hora de fazer o planejamento da safra. Confira o passo a passo!

Monte o planejamento baseado em dados

A princípio, para conseguir montar um planejamento eficaz, é necessário se basear em dados confiáveis para ser o mais assertivo possível.

Por isso, reúna relatórios com as principais informações da fazenda. Alguns exemplos são:

  • O que foi feito em cada parte do talhão;
  • Onde foram feitas correções de solo;
  • Quais áreas são alvo de plantas daninhas, pragas e doenças e o nível de infestação;
  • Quais defensivos agrícolas aplicados, onde e com qual frequência;
  • Qual é desempenho de cada máquina;
  • As sementes com melhores resultados em cada área.

Em resumo, esses dados ajudam o produtor rural a ter mais clareza sobre as práticas bem-sucedidas e quais aspectos precisam ser melhorados.

Por exemplo, ao saber quais inseticidas tiveram bom desempenho no controle de pragas nas últimas safras, em determinados talhões e o número de aplicações, o agricultor pode considerar utilizá-los novamente na próxima safra.

Defina os objetivos

Outro ponto fundamental no planejamento da safra é ter clareza em relação a onde se quer chegar. Para isso, defina um objetivo central e construa estratégias para alcançá-lo.

Nesse sentido, alguns desses objetivos podem ser:

  • Melhorar a produção de soja em áreas com infestação de pragas;
  • Aumentar a produtividade em talhões menos produtivos na lavoura;
  • Anteceder a colheita de oleaginosa em áreas específicas para adiantar o plantio do milho safrinha.

Vale destacar que, no planejamento de safra, o produtor deve definir e quantificar esses objetivos. Da mesma forma, determinar diferentes ações para conseguir atingi-los.

Faça o diagnóstico do seu negócio

Tão importante quanto reunir dados e definir objetivos é entender qual é a real situação financeira do seu negócio. Afinal, para executar o planejamento de safra será necessário utilizar esses recursos financeiros.

Dessa forma, o recomendado é realizar um diagnóstico completo do empreendimento. Nele deve constar informações sobre o negócio rural e sobre o mercado em que ele está inserido.

A partir dessas informações, o agricultor poderá tomar decisões mais seguras e analisar se a execução do planejamento é realmente viável.

Elabore um planejamento financeiro

Após entender e analisar a situação financeira da empresa, o gestor também precisa avaliar e estimar o quanto ele dispõe em cada mês para fazer frente aos gastos da produção.

Com um planejamento financeiro bem estruturado, é possível, por exemplo, prever gastos em um momento em que haverá a entrada de recursos para o caixa da empresa.

Ademais, esse orçamento destinado à safra deve ser flexível. Isso significa que o recurso precisa se adaptar às necessidades que podem surgir ao longo da execução da programação.

Utilize um software de gestão agrícola

Anteriormente falamos sobre a importância de utilizar dados como parte do planejamento da safra. Afinal, é por meio deles que será possível visualizar o andamento do negócio, traçar metas e tomar decisões assertivas.

Nesse cenário, temos o software de gestão agrícola, uma ferramenta que consegue reunir todas as informações necessárias para que o produtor consiga realizar uma gestão eficaz do negócio.

Como a ferramenta disponibiliza uma visão detalhada de cada talhão da lavoura bem como os resultados de cada um deles, fica mais fácil realizar a gestão da safra.

Em geral, essa tecnologia funciona como uma aliada no planejamento da safra uma vez que auxilia na organização de processos administrativos, operacionais e na análise de performance de produtos e manejos.

No MyFarm você consegue realizar o planejamento da safra, acompanhar as atividades do campo, saber os custos por talhão, dentre outras atividades.

Enfim, conseguiu entender quais fatores você deve considerar em um planejamento de safra? Aproveite e leia nosso artigo sobre planejamento financeiro da fazenda.


Publicado por:
Formada em Jornalismo, pós-graduada em Marketing e especialista em Comunicação Digital, atuo como Analista de Conteúdo no MyFarm. 
Share

O seu endereço de e-mail não será publicado.