agricultura-5-0

Share

Saiba quais são os impactos da agricultura 5.0 no Agronegócio

Quer saber mais sobre o MyFarm?

Entre em contato e agende uma demonstração com nossos consultores!

Solicitar Teste Grátis

A agricultura 5.0 já está disponível com muita tecnologia e inovação para o mercado agrícola. Como a inteligência artificial, que ajuda você a atingir alta precisão de performance no campo e contribui para o aumento de produtividade.

A agricultura 5.0 chegou com muita força no cenário rural brasileiro.

Por esse motivo, vamos apresentar a última tendência do agronegócio: a Agricultura 5.0. Você vai entender o que é? Como funciona? e como agregar as tecnologias na sua fazenda?

O que é agricultura 5.0?

A agricultura 5.0 é a mais recente geração de modelos de produção agrícola. Como os serviços de mapeamento de áreas por satélite, análise de solo georreferenciada, pulverização com drones e tecnologias para o plantio, irrigação e fertilização.

O diferencial da agricultura 5.0 está na tomada de decisão, que será cada vez mais atribuída as máquinas, o que proporciona maior precisão e produtividade.

A agricultura 5.0 é marcada pelo uso da inteligência artificial, biotecnologia e análise de dados da sua fazenda. O que aumenta a precisão da automação, na sua produtividade e a na sua performance.

ads

A agricultura 5.0 é dividida em quatro pilares principais. Sendo eles:

  • Acréscimo de produtividade: As inovações na biotecnologia tem papel fundamental para garantir cultivos mais eficientes. A produtividade não será medida, apenas, pela quantidade, mas pela qualidade.
  • Segurança alimentar: A digitalização no campo trouxe muitas críticas sobre garantir as pessoas o acesso a alimentos que apresentam valor nutricional e diminuir as desigualdades sociais.
  • Diminuição do desperdício: A agricultura 5.0 tem que utilizar recursos que forneçam melhores técnicas de armazenagem e transporte dos produtos para reduzir o desperdício.
  • Alimentos mais saudáveis: De acordo com a Organização mundial da saúde até o ano de 2025, 1 em cada 11 pessoas no mundo terão diabetes. Logo, haverá sim, a cobrança por alimentos mais saudáveis na agricultura 5.0.

Para o Brasil prevalecer na agricultura 5.0 e se manter competitivo no mercado internacional é preciso resolver alguns problemas estruturais. Como, a conectividade rural e capacitação da mão de obra.

Fonte: Compre Rural

Na atualidade, são muitas as tecnologias disponíveis a você, para poder exercer seu trabalho com maior eficiência, agilidade e precisão. Principalmente na operação de semeadura, que maximiza a utilização da área e diminui o repasse de linhas.

Tecnologia na agricultura 5.0

A qualidade de semeadura é tema que está constantemente em pauta, visto sua influência na produtividade. E vários são os fatores que comprometem a distribuição das sementes, como velocidade excessiva e problemas na regulagem na semeadora.

Hoje em dia, o produtor tem uma linha de produtos que auxiliam na busca da melhor uniformidade de distribuição, deposição e acomodação da semente no solo. Como os sensores de linha, sistemas distribuidores de sementes e outros que veremos a seguir:

Sensores de linha

A utilização de sensores por linha da semeadora auxilia na correção de falhas de plantio decorrentes do embuchamento da linha ou falta de sementes.

A nova geração de sensores de linha é capaz de isolar o efeito causado pela poeira no tubo condutor, deste modo evita leituras erradas.

Estes sensores, associados a monitores, possibilitam a formação de mapas de plantio em tempo real. Logo, informa o percentual de distribuições uniformes, duplas e falhas, taxa de semeadura e área plantada.

Sistemas distribuidores de sementes

O sistema de distribuição de sementes mais utilizado no país é o mecânico de discos de plantio. Que passou por uma série de melhorias, que possibilitou ganho considerável na qualidade de distribuição de sementes.

Mas, é com o sistema de distribuição de sementes pneumáticos, que se obtém melhor uniformidade, mesmo em maiores velocidades de trabalho.

Sistemas de linhas independentes

O problema frequente na operação de semeadura é o remonte, que ocorre sobretudo nas cabeceiras e arremates da lavoura. Isto implica em gasto maior de sementes e problemas de superpopulação. Que é resolvido com as linhas individuais.

Fonte: Rossato Stara

O emprego da tecnologia na agricultura está intenso nos últimos anos. Pois cada vez mais opções tecnológicas estão sendo incorporadas ao campo, o que contribui para a produção mais sustentável.

A primeira tecnologia incorporada a produção agrícola foi o uso do sistema de posicionamento global, o GPS. É um software de localização que oferece as coordenadas de pontos da Terra, por meio de sinais enviados por satélites.

Com o GPS foi possível fazer com que máquinas agrícolas fossem dirigidas por computadores. Há pouco tempo, aplicativos são usados para controlar plantações, mesmo que você esteja a quilômetros de distância, é capaz de monitorar a lavoura.

Além do mais, sensores que são conectados à internet colocados em diferentes pontos da propriedade geram grande volume de dados. Esses dados são analisados por você para melhorar a sua produção agrícola.

A mais nova tecnologia utilizada na agricultura são os drones. Os drones são pequenas aeronaves não tripuladas que torna possível a visualização aérea em tempo real de todo processo agrícola.

>>> MATERIAL GRATUITO: E-BOOK GUIA COMPLETO PARA GESTÃO AGRÍCOLA <<<

Vantagens da utilização da tecnologia na sua fazenda

Entre as vantagens do emprego da tecnologia na sua fazenda podemos destacar:

  • Diminui os impactos negativos no meio ambiente;
  • Aperfeiçoa a produção e o uso de insumos;
  • Ajuda na comunicação entre o produtor, administrador, operadores e agrônomos;
  • Amplia a produtividade da lavoura;
  • Diminui riscos de perdas com pragas, eventos climáticos e desastres naturais;
  • Reduz custos de acesso a informação e serviços;
  • Beneficia o aumento de renda do produtor com o aumento da qualidade da produção.

As opções tecnológicas colabora para que se tenha mais produção agrícola no mesmo espaço de terra. Há no mercado, tecnologias com características específicas para cada necessidade, desde a produção de sementes até a conversa com os consumidores.

Tecnologia na propriedade rural

Na propriedade rural, a tecnologia pode ser utilizada nas fases do plantio a colheita, seja pelo agrônomo, por você e pelo operador do drone. As tecnologias empregadas na propriedade rural são:

  • Automação de semeadoras e colhedoras;
  • Obtenção de imagens à distância;
  • Maquinários com piloto automático;
  • Drones para reconhecimento de pragas e mapeamento da área.

Tendências tecnológicas da agricultura 5.0

Hoje, o avanço das tecnologias digitais influenciam os diferentes setores da economia. Diversas empresas buscam, por meio dessas inovações, garantir maior sustentabilidade, eficiência e praticidade.

O setor do agronegócio também apresenta, cada vez mais, opções tecnológicas a vocês, produtores rurais. Como os sensores, drones, software de gestão, agricultura vertical, espaço virtual onde se faz comércio.

Sensores

A instalação de sensores no campo está sendo adotada por diversos produtores rurais, porque seu uso permite a obtenção de diversas informações sobre o solo e o cultivo. Ainda agiliza a coleta de dados.

Drones

Os drones são tecnologias importantes e desenvolvem diversas funções no campo. Entre elas a captação de imagens aéreas que permite o acompanhamento do crescimento da lavoura, surgimento de pragas e doenças.

Os drones quando equipados com câmaras especiais, após o processamento das imagens permite identificar áreas com estresse hídrico, ataque de pragas e doenças.

Software de gestão

A expansão do agronegócio passa pela organização da gestão das operações agrícolas. Por esse motivo, os softwares de gestão são disponibilizados no mercado para ajudar a você, sobretudo em relação aos custos de produção.

Os softwares de gestão tem se tornado indispensável para facilitar as tarefas do dia a dia e na gerência do seu agronegócio.

Hoje em dia, cresce a busca por projetos automatizados e otimizados que ajuda o gestor. Seja pelo acompanhamento das tarefas da sua equipe, monitoramento da agenda, delimitação de medidas a partir de imagens de satélite.

Além de realizar de forma padronizada atividades e compras de insumos, alterar de forma simultânea documentos e organizar tudo de forma online e compartilhada. A aplicação dessas ferramentas é de suma importância para o gestor da sua fazenda.

Agricultura vertical

A agricultura vertical compreende o conjunto de técnicas de cultivo destinado para a produção em camadas verticais. Essa forma de cultivo acontece em locais que não suportam a agricultura comum, principalmente nos grandes centros urbanos.

A agricultura vertical é vista como tecnologia pois visa ajudar na produção de alimentos. Além das técnicas utilizadas, como controle ambiental de interiores, no qual os fatores internos são monitorados.

Essas instalações utilizam o controle artificial da luz, umidade, temperatura e dos gases. Ainda, fertilizam por meio da irrigação.

Espaço virtual onde se faz comércio

Atualmente, é possível comercializar sua produção e insumos no espaço virtual, no qual vendedores e compradores realizam as transações. Normalmente, esses aplicativos oferecem diversas opções de onde comprar os produtos disponíveis.

Deste modo, é possível melhorar a relação de lucratividade de vocês, produtores agrícolas, porque permite melhor interação de vocês no mercado.

Conclusão

Em geral, a aplicação de tecnologia na lavoura tem como objetivo a busca por maior qualidade, produtividade e lucratividade. Além da boa previsão dos fatores ambientais que estão intimamente relacionados com a agricultura e são grande fator de influência.

Por fim, os avanços tecnológicos nos equipamentos agrícolas foram enormes e contribui para ganho de produtividade das lavouras.

E você, está preparado para a agricultura 5.0?

programa de pontos do produtor rural - myfarm


Publicado por:
Somos o software de gestão agrícola que vai revolucionar a forma como você administra a sua fazenda.
Share

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *